15 3285 5120 l

Quimifol Arrank L

INDICAÇÕES:

Garantias:

Todos os elementos são solúveis em água
Registro do Produto: SP-05005-10.151-5
Natureza Física: Suspensão Homogênea
Densidade: 1,27

Enxofre (S) 4,00% (50,80 g/L)
Boro (B) 0,50% (6,35 g/L)
Cobre (Cu) 0,60% (7,62 g/L)
Manganês (Mn) 3,00% (38,10 g/L)
Zinco (Zn) 5,00% (63,50 g/L)

Dosagens Recomendadas Via Foliar:

Culturas Dosagens Recomendações
Milho 2,0 L/ha Aos 25 d.a.e.(V3 a V5)
Feijão 1,0 a 2,0 L/ha Aos 20 d.a.e.(V3 a V4)
Soja 2,0 L/ha Aos 20 e 30 d.a.e.(V4)
Sorgo 1,5 L/ha 2 aplicações aos 25 e 35 d.a.e.
Trigo / Aveia 2,0 L/ha 2 aplicações aos 20 e 40 d.a.e.
Arroz/ Cevada 1,5 L/ha 2 aplicações aos 20 e 40 d.a.e.
Batata 1,5 L/ha 2 a 3 aplicações no início do ciclo da cultura
Cana-de-açúcar 1,5 a 3,0 L/ha No período de vegetação
Tomate (envarado) 100 a 200 mL/100L Aplicações quinzenais

(d.a.e. - dias após emergência)
Maior relação soluto/solvente: 2,0 L / 100 L

CARACTERÍSTICAS DO QUIMIFOL ARRANK L:

Com a abertura de novas frentes de plantio, a exaustão das terras tradicionalmente cultivadas e ainda para dar às lavouras condições de atingirem as produtividades que seu potencial genético lhes confere, a Fênix Agro desenvolveu o Quimifol Arrank L.

Quimifol Arrank L é um composto nutricional para aplicação foliar, indicado no cultivo de lavouras de interesse econômico, com o intuito de fornecer e equilibrar estas culturas com relação aos micronutrientes (Zinco, Manganês, Boro e Cobre) e Enxofre.

ZINCO: participa na síntese de proteínas. Os principais problemas ocasionados pela deficiência de Zinco nas gramíneas são diminuição no crescimento de plantas (encurtamento de entrenós), no número de folhas, no teor de proteínas nos grãos, no número de espigas e no enraizamento superficial.

MANGANÊS: é fundamental para o aproveitamento do Nitrogênio na planta atuando também nos processos de respiração e fotossíntese. Sua deficiência pode estar ligada ao tipo de solo ou uso de calagem excessiva.

BORO: atua em processos básicos, como metabolismo de carboidratos, transporte de açúcares através de membranas, formação da parede celular, desenvolvimento do grão de pólen e formação do tubo polínico. Com a deficiência de Boro, podem ocorrer alguns prejuízos como a má formação e o atrofiamento das espigas, além da falha na granação.

COBRE: participa na respiração e fotossíntese.

ENXOFRE: é um nutriente muito exigido pelas culturas, pois está ligado a produção de proteínas, enzimas e vitaminas. Participa na respiração e fotossíntese.

INSTRUÇÕES DE USO:

  • com pulverizadores adequados, aplicar a solução corretamente procurando efetuar uma cobertura uniforme na cultura;
  • deve-se evitar a pulverização durante as horas mais quentes do dia;
  • os melhores resultados são obtidos utilizando vazões superiores a 200 L/ha;
  • armazenar o produto em local fresco, seco e ventilado, ao abrigo dos raios solares;
  • uso exclusivo como fertilizante.